ESPECIAL: UNIVERSO DCTV PRÉ FLASHPOINT!

O universo que a DC Entertainment está criando na televisão, o DCTV, é inegavelmente rico. Atualmente contando com quatro séries interligadas (Arrow, The Flash, Legends of Tomorrow e Supergirl) ele é até mesmo mais consistente do que o universo cinematográfico, DCEU, e não pára de crescer. Não apenas crescer, pois estamos a menos de um mês de acontecer o FLASHPOINT, saga adaptada das histórias em quadrinhos do Flash em que reformulou todo o universo da DC Comics. Já foi confirmado por várias fontes que todas as séries serão afetadas por esse evento, sendo assim, antes que tudo possa mudar de uma hora para outra, que tal relembrarmos como começou esse universo, como ele evoluiu – bem ou mal – e como chegamos ao ponto de ignição. Prepare-se para um super artigo especial que só o TV E PIPOCA prepara para você, DCnauta apaixonado pelo universo DCTV.
 
ARROW – Season 1 – REALISTA (2012)

arrow-season-1-episode-21-the-undertakingEm outubro de 2012 foi ao ar a primeira temporada de Arrow, a série baseada nos quadrinhos do Arqueiro Verde, porém, muito se viu do universo que Christopher Nolan criou para o Batman de Christian Bale, que vivia em um mundo sem super seres,aquele clima tenso e sombrio, o herói se escondendo pelas sombras… Nessa primeira temporada temos uma atmosfera densa e dramática, Oliver era um cara rico e cheio de problemas que ele mesmo arranja e sem dar muito valor a ninguém. Depois de um naufrágio, ele é dado como morto, mas na verdade sobreviveu e ficou preso em uma ilha por cinco anos, onde de várias formas foi posto a prova e treinado. Quando retorna para casa, usa suas novas habilidades para se tornar um justiceiro mascarado, não um herói. Nessa temporada temos histórias bem realistas, digo, sem super poderes , magia ou coisas desse tipo, super seres não existem – ainda. O Capuz, como é conhecido, age com a ajuda de alguns poucos que conhecem sua identidade na luta contra criminosos como traficantes, assassinos e mafiosos. A série tinha identidade própria e era algo completamente novo, sem dúvida foi um marco para a DC Entertainment.
 
Arrow – Season 2 – OS PRIMEIROS METAHUMANOS (2013)

arrow-slade-wilson-deathstroke-to-returnApós o sucesso estrondoso da primeira temporada, DC/CW decidiu arriscar um pouco mais, deixar a história um tiquinho mais…fantástica. E ela acertou mais uma vez. Ele estava começando a descobrir o herói que queria ser. Não era mais “O Capuz”, mas também ainda não era o Arqueiro Verde, mas apenas “Arqueiro.” Na ilha onde Oliver ficou preso, ele conheceu o soldado Slade Wilson, que também o treinou por um bom tempo. Lá os dois viraram grandes amigos, se ajudavam, mas para o azar de ambos, se apaixonaram pela mesma mulher, Shado. Além disso, os três estavam a procura de uma espécia de soro do super soldado (ja ouviu essa algumas vezes,não?). Durante a missão, Slade acaba gravemente ferido e beirando a morte, porém, havia um jeito de salva-lo, dar o soro do super soldado para que ele tomasse. Slade acabou se curando e desenvolvendo habilidades sobre humanas, como força absurda, reflexos rápidos demais, ele era algo completamente novo…algo super, algo que só ganharia nome quando esse universo se expandisse. Slade volta para se vingar de Oliver que não conseguiu salvar Shado de um dos inimigos, ele retorna como o Exterminador, que não só tem super poderes, mas como também cria um exercito com soldados que tem as mesmas habilidades dele. Porém, antes da temporada terminar, bem antes na verdade, havíamos sido apresentado ao cientista forense Barry Allen,que vai a cidade justamente para investigar esses soldados. Barry acaba sendo atingido por um raio e entra em coma…e as consequências disso deixariam esse universo muito mais interessantes do que ele já era.
 
The Flash – Season 1 – SUPER PODERES E VIAGENS NO TEMPO (2014)

x-men-apocalypse-trailer-3Esse foi o primeiro spin-off de Arrow. The Flash sem duvida revolucionou tudo o que Arrow tinha nos apresentado, um mundo cheio de novas possibilidades, não só por trazer aventuras muito mais fantásticas, mas por serem mais dinâmicas, visto que super seres poderiam ir muito mais longe em suas batalhas e objetivos. O Flash não era apenas uma pessoa com super poderes, mas uma boa parte das pessoas da cidade haviam sido afetadas pela explosão do acelerador de partículas e assim também ganhando super poderes dos mais variados tipos. Através do desenvolvimento de seus poderes sobre a velocidade, Flash consegue vibrar seu corpo em uma frequência diferente e se transportar para a Terra 2, que é o nosso mesmo mundo, com as mesmas pessoas,mas em outras versões e que está exatamente no mesmo lugar que a nossa terra,mas também vibra em uma frequência diferente,por isso coexistem no mesmo espaço. Com seus poderes ele também consegue viajar no tempo e alterar toda a história do universo (das séries envolvidas.) Era o início de uma nova era no “Arrowverso.”
 
Arrow – Season 3 – MISTICISMO E A DECADÊNCIA DA SÉRIE (2014)

boteco-de-oaA série do Arqueiro estava simplesmente badass até sua segunda temporada. Muito se esperava da terceira, principalmente após a confirmação do vilão Ra’s Al Ghul. Já que Flash estava focando principalmente a questão dos assim chamados metahumanos, Arrow precisava adicionar um novo conceito a esse universo – ou pelo menos é o que pensávamos. O que inserir agora? Misticismo, afinal se super seres existem, por que não algo um pouco mais… sobrenatural? No meio da temporada, o herói Oliver Queen morre. Os produtores da série queriam colocar na série a mitologia do Poço de Lázarus, que ressuscitaria Oliver misticamente, mas desistiram, pois ficaram com medo de não acertarem o tom. No final da temporada, decidiram arriscar, usando o Poço para salvar Thea Queen da morte. Ela voltou,mas sua alma voltou amaldiçoada. A temporada foi considerava ruim, mas preparou terreno para algo mais concreto que viria na próxima temporada. Além disso, agora o Arqueiro e Flash tiveram um crossover de dois episódios. Recordes de audiência para o canal. Quem só assistia Arrow, ficou com vontade de assistir Flash e vice versa.
 
The Flash – Season 2 – UNIVERSOS PARALELOS (2015)

the-flash-s2ep2Depois de mostrar que metahumanos são ameas maiores para os heróis desse mundo, a série implementou uma ameaça de metahumanos vindos de uma terra paralela. Também serviu para fortalecer conceitos misticos e inserir novos personagens milenares para mais um spin-off que expandiria mais uma vez o universo que se iniciou em Arrow: Legends of Tomorrow. Mais um crossover entre Flash e Arrow ocorreu unindo todos os heróis, foi quase um episódio de Liga da Justiça. Após esse crossover, era hora de crescer mais uma vez. Flash vai para um universo TOTALMENTE novo e encontra a Garota de Aço, Supergirl!
 
Legends of Tomorrow – Season 1 – MESTRES DO TEMPO E ESPAÇO (2015)

firestorm-legends4Uma reclamação dos fãs eram os personagens bons que tinham pouco espaço nas séries ou simplesmente sumiam. Pensando aproveitar melhor esses personagens – e ganhar mais dinheiro – a CW decidiu pegar os melhores personagens B de Arrow e Flash e junta-los em uma unica série, formando a primeira equipe oficial de heróis desse univer, as Lendas: Ray Palmer/Elektron, Sara Lance/Canário Branco, Jax Jefferson e Prof. Stain/Nuclear, Leonard Snart/Capitão Frio, Mike/Onda Térmica e o nova personagem Rip Hunter para lidera-los em uma viagem por várias épocas afim de prender o milenar vilão Vandal Savage. O conceito de viagens no tempo já havia sido implementado em The Flash,porém agora ele é melhor explorado e suas consequências, mostrando versões diferentes de seus personagens e dos heróis principais de Arrow e Flash. Ao final de sua temporada ainda implementam algo simplesmente fantástico para a próxima temporada: A SOCIEDADE DA JUSTIÇA DA AMÉRICA.
 
Vixen – Season 1 – MULTIMIDIA (2015)

vixen-arrow-the-flash-620x330Eis uma iniciativa totalmente nova. Uma animação foi feita para integrar o universo das séries, onde os personagens são dublados pelos próprios atores que os interpretam na série. Ela foi baseada no entanto em uma personagem que nunca tinha sido vista na tv: Vixen. Dona de um toten mistico, ela pode invocar as habilidades de qualquer animal, como a força de um rinoceronte ou a velocidade de uma cheeta. A recepção do público foi tão boa que ela logo surgiu em um episódio especial de Arrow.
 
Arrow – Season 4 – MAGIA, MAGIA, MAGIA MESMO (2015)

bbyvr8jO que ja tinha sido ruim, agora se torna ainda pior. Completamente afastada de sua ideia original, agora a série do Arqueiro vai definitivamente para o lado da magia. O agora Arqueiro Verde luta contra Damian Dark, um vilão com poderes místicos poderosíssimos vindos de um antigo ídolo africano. Após o seu teste em uma animação própria ,a personagem Vixen, também dona de um toten místico aparece em live action para ajudar o Arqueiro contra a magia de Damian. Não só Vixen como Constantine também aparece, vindo de sua própria série em outro canal, expendindo e conectando ainda mais o universo DCTV. Assistir Constantine não adiciona nada ao universo DCTV, nem nos faz perder nada, mas é bacana saber que seus caminhos se cruzam em algum momento. Tudo indica que ele retornará em breve para mais algum episódio. Será que o Arqueiro vai trocar o arco por uma varinha?
 
Supergirl – Season 1 – UM UNIVERSO A PARTE QUE LOGO SE ENCAIXARÁ AOS OUTROS (2015)

supergirl-2Uma mulher estrelando uma série de super herói? E com os mesmos poderes do…Superman? Exato! Supergirl tem uma proposta totalmente diferente das outras séries, pois além de ser protagonizada por uma garota, também vem com esse apelo mais emocional para as mulheres também gostarem ainda mais desse universo. A série insere o conceito de alienígenas vindo para a terra, expendido o universo DCTV para o espaço de uma maneira muito sutil. Do mesmo diretor da série The Flash, era apenas uma questão de agendamento para um crossover entre a Garota de Aço e o velocista escarlate. Logo, Flash surgiu em Nacional City e os dois fizeram uma parceria incrível juntos. Mal sabia Supergirl que Flash faria algo que aproximaria seus universos nem tão distantes.
 
O FLASH POINT – O QUE VAI ACONTECER?

cri5reow8aae_qjAo final da segunda temporada, Barry decide voltar no tempo para salvar sua mãe da morte pelas mãos do Flash Reverso. Porém, ao fazer isso, Flash altera toda a história do universo dele e consequentemente pode mudar a de todos os outros. Pois, ao salvar sua mãe, ele nunca foi criado por Joe, nem seu pai foi preso, assim ele nunca foi para Starlin City investigar metahumanos e por isso…não conheceu o Arqueiro. Talvez nem tenha virado o Flash. Os produtores da série ja afirmaram que esse novo ponto de ignição irá de alguma forma afetar todas as séries, por exemplo, unificando o universo da Supergirl com o deles. Foi revelado que o Flashpoint será mostrado em Arrow nos episódios 7 e 8. Talvez seja o especial das mid-seasons? Algo com o mega crossover desse ano? O que o Flash vai causar no universo afinal? Todas as respostas começam a ser dadas a partir do mês que vem.
 
O universo DCTV volta com todas as séries em outubro de 2016.

Denny Rodrigues

Quando criança, fui exposto a uma coleção de gibis radioativos me dando o conhecimento de todas as HQS do universo - Muahahaha!