SUPERGIRL S01E20 – Fiel até o fim!

Essa semana foi ao ar o último episódio da primeira temporada de SUPERGIRL. E uma coisa eu posso afirmar com toda a certeza, a série foi fiel a sí mesma desde o primeiro episódio até o vigésimo e último dessa temporada. Como assim? A série nunca se propôs (pelo menos ao meu ver) a ser do tipo épica, mesmo se tratando de uma super heroína vinda de outro planeta. Ela sempre teve uma pegada mais tranquila – não cômica – descompromissada em tocar em assuntos muito polêmicos, e sim ser muito família. Uma proposta bem diferente do que víamos na série que deu origem a todo esse novo universo televisivo da Dc, Arrow. Mas, vamos ao que interessa? E sim, muitos spoilers nas próximas linhas, então se não assistiu e quer assistir…cai fora. O que realmente rolou no último episódio de SUPERGIRL:

Nova-Imagem-de-Bitmap-300x169 Críticas

O episódio começa onde parou o penúltimo, Non, Tio de Kara, havia controlado mentalmente a irmã dela com o poder de Myriad, dando a ela um tipo de armadura movida a kryptonita, forçando Supergirl a brigar com sua própria família. Como eu mesmo falei no inicio do artigo, a série é família, então, como Kara não tinha coragem de lutar contra Alex, o Caçador de Marte (ja falei de como curto ele na série) tras a mãe delas para o meio da batalha. O que não ficou ruim, na verdade eu até ri, porque não é exatamente isso que mães fazem? Separam e conversam com os filhos para faze-los parar de brigar. A mãe delas faz com que Alex caia em si e saia do controle de Myriad. Eu esperava muito mais dessa briga, não simplesmente que a mãe delas desse um basta. Mesmo assim, me convenceu, dado a proposta da série. Ah, e só pra contar, mesmo malvada eu torcia pra Alex porque ela é gata demais.

Nova-Imagem-de-Bitmap-2-300x168 Críticas

Um jeito de motivar as pessoas a não desistirem foi Supergirl dando um discurso na tv sobre esperança (o símbolo da casa dos El) Esse é realmente o tipo de coisa que Superman e sua família fariam, eu curti. Porém, achei meio forçado o modo como eles conseguem transmitir a todas as mídias. Max Lord hackeia um antigo estudio de televisão abandonado e aí trasmite o discurso a todos os celulares e televisões e computadores em tempo real? Forçado, vai… mas ja a série ja cometeu erros bem piores antes, então esse até passa.

Nova-Imagem-de-Bitmap-3-300x169 Críticas

Superman, como sempre, aparece só de relance. E uma cena em que Supergirl e o Caçador de Marte conversam, Superman está deitado em uma maca ao lado, inconsciente. E lógico, não mostram seu rosto, apenas da cintura pra baixo, ele fica ali no cantinho da tela. Foi aí que eu entendi o sentido dele mal aparecer. Quer dizer, eu não sei oq ue Kara e John conversaram aquela hora porque eu ficava só olhando pro Superman, ele chama demais a atenção – hahaha!

Nova-Imagem-de-Bitmap-4-300x169 Críticas

Na batalha final, ficou mesmo tensa a coisa. O sinal de Myriad seria capaz de literalmente explodir a cabeça de todos os humanos em poucos minutos se Supergirl não o desligasse. Gostei do fato de que ela não lutou sozinha, lógico que  Caçador estava com ela para equilibrar a luta contra Non e a muito mal feita versão feminina de Brainiac, Índigo. A cena me surpreendeu porque não era de noite, com chuva, trovões e num lugar destruído em caos como costumam terminar as temporadas de heróis (Arrow, Flash, Demolidor…) foi a luz do dia! E foi no campo! Cara, eu nunca vi isso. E sabe, eu gostei. Mais sobre o ponto em que toquei de que a série é muito fiel a si mesma. A batalha é rápida com o Caçador de Marte destruindo Índigo e Cara derrotando Non.

Nova-Imagem-de-Bitmap-8-300x168 Críticas

Como o sinal era forte demais para ser desligado, Supergirl decide tirar a prisão Fort Rozz do planeta e assim levar o sinal para longe. Ela quase morre,mas é salva por sua irmã Alex na própria nave que trouxe Kara para a terra.
No final, bem no final, depois das comemorações e tudo mais, fica mais um gancho para a próxima temporada. Uma outra nave kriptoniana chega a terra. Uma igualzinha a de Kara. E agora…quem será que chegou? Só a próxima temporada nos dirá!

Denny Rodrigues

Quando criança, fui exposto a uma coleção de gibis radioativos me dando o conhecimento de todas as HQS do universo - Muahahaha!