Castlevania na Netflix | Vale a pena

Fala galerinha! Hoje trago algo que deixei escapar e demorei para descobrir sua existência.

Estava eu navegando de boa na nossa querida Netflix quando me deparei com o nome Castlevania. O nome diretamente me remeteu a infância me fazendo lembrar dos ótimos momentos que jogava esse clássico jogão. Fiquei surpreso e logo me culpei por não saber que existia um anime na netflix baseado no jogo. Uma ótima surpresa. Curti tanto que decidi trazer para vocês aqui a dica do anime.

A série é curta com quatro episódios de cerca de vinte e cinco minutos cada um, porém, já foi renovada para uma segunda temporada com oito episódios.

Castlevania é baseado no jogo de 1989 entitulado Castlevania III: Dracula’s Curse da Konami. A história coloca o protagonista Trevor Belmont tentando defender o condado de Valáquia do poderoso vampiro Drácula, que decidiu dizimar os seres humanos em busca de vingança pela morte de sua esposa, Lisa.

051m2xpnnb8z-300x169 Animes NETFLIX

A história é muito bem narrada e mostra inicialmente Lisa indo atrás do vampiro em Valáquia, em busca de conhecimento tentando ser uma médica para salvar os necessitados. Ela acaba adquirindo tal conhecimento e se casa com Drácula, só que, a sociedade altamente influenciada por uma religiosidade extremamente conservadora, acabou levando a esposa do vampiro para ser queimada em praça pública acreditando que Lisa era uma bruxa por conta dos equipamentos científicos que possuia.

Como disse anteriormente, a história se desenvolve muito bem. O anime é bastante violento, voltado para o horror, tem uma carga densa que é aliviada em certos momentos pelo humor do protagonista Belmont. Não me agrada tanto certos clichês nesse sentido, porém não atrapalha a experiência. O desenho é muito bonito e os atores são excelentes. Especialmente Richard Armitage que está muito bem dando voz ao protagonista que realmente convence.

O cenário é espetacular, as cenas de luta são ótimas e o temperamento de cada personagem é muito bem trabalhado. Bom trabalho de Sam Deats dirigindo.

E o final consegue deixar aquele gostinho para a segunda temporada. Vale a pena conferir galerinha.

Rodrigo Beauclair

Humor. Cinema. Leitura. Quadrinhos. Esportes. Doce de amendoim. Precisa de mais?