ARROW – Os MAIORES erros da série!

Faltando apenas três episódios para o encerramento da quarta (e igualmente decepcionante) temporada de Arrow, a série simplesmente não consegue elevar o nível, nem mesmo chegar ao nível em que prometeu que estaria. No ano passado Stephen Amell, ator que interpreta Oliver Queen/Arqueiro Verde foi até a Sandiego Comic Con trajado com o novo uniforme do herói e pedindo aos fãs para que não abandonassem a série, porque ela ia voltar a ser o que era. Os executivos também garantiram que essa quarta temporada seria a redenção da série que deu origem ao universo televisivo da DC, que ela seria num tom mais leve, que Oliver seria mais alegre e canastrão como nos quadrinhos. No inicio na temporada ela até tentou. Oliver estava mesmo mais alegre e descontraído, talvez por ter abandonado Star City e deixado o manto. Porém, quando ele voltou a ser o ARQUEIRO VERDE de fato, ele voltou a ser o cara sombrio e cheio de problemas de novo. O TV e Pipoca lista agora os maiores erros da série desde a terceira temporada que foi quando ela começou a declinar. Confira:

1- SARA LANCE, CANÁRIO MORRE. Ela era simplesmente uma das melhores personagens, se não a melhor da série até aquele momento. A mataram para dar drama e espaço para Laurel que devia ser a verdadeira Canário Negro. Desnecessário, visto que Sara já estava estabelecida.

2- ROY HARPER, ARSENAL DEIXA O TIME. Okay, o ator iria para outra série, eles tinham que arranjar uma desculpa. E foi ótima! Porém estavam enrolando o cara desde a primeira temporada para ele se tornar o parceiro do Arqueiro e já era queridíssimo entre os fãs. A deixa dele foi um grande erro na série.

3- LINHAGEM DE RA’S AL GHUL’S. Quem lê HQS (e você não é obrigado a ler) sabe que Ra’s Al Ghul tem centenas ou milhares de anos. Ele é um personagem ÚNICO. Porém na série o Ra’s Al Ghul não era original, e sim o terceiro de uma linhagem de Ra’s Al Ghul’s e ele queria que Oliver fosse o próximo, tirando absolutamente todo o crédito milenar do personagem.

4- SOCIEDADE DA JUSTIÇA DESCARACTERIZADA – Isso não foi erro só de Arrow, o erro seguiu em The Flash também. Para quem não está atualizado nas HQS mais uma vez, a SOCIEDADE DA JUSTIÇA era um grupo de Super Heróis que surgiu antes da própria Liga da Justiça (eles apareceram na tv também na série Smallville) seus heróis são lendários. Na série Arrow, um dos integrantes da Sociedade foi TED GRANT, O PANTERA, um boxeador Badass. Pelo menos deveria ser. Na série ao menos disseram que ele já era um vigilante antes mesmo de Oliver ficar perdido na ilha, mostrando que ele realmente veio antes do Arqueiro Verde. Porém no final das contas, mostraram o personagem apanhando feio de um vilão genérico apenas para fazer mais épico o retorno do Arqueiro após ter sido morto por Ra’s Al Ghul. Em The Flash, vemos o Flash da Terra 2, membro Sênior da Sociedade nos quadrinhos, ser transformado em um grande vilão, Zoom. Porém, a série ainda não terminou, pode ser que esse não seja o verdadeiro Jay Garrick e que ele seja o homem na mascara de ferro. Amém.

5- EXCESSO DE VIGILANTES. Diggle, Thea, Laurel, Felicity. O Arqueiro NUNCA MAIS teve um aventura descente sozinho, mostrando porque ele é (ou deveria ser) o melhor. Ele ta sempre com aquela gangue atras dele, são tantos vigilantes, tantas histórias paralelas e desnecessárias ao mesmo tempo que a gente se perde e tem vontade de desistir.

6- OLICITY. Caraca… nessa temporada entre os episódio 15,16 e 17 se não me engano tivemos três episódios seguidos em que o foco era… FELICITY! Que saco. Eu esperando pra ver o Arqueiro defendendo a cidade dos bandidos e ele passou os três episódios protegendo a Felicity de ameaças diferentes. Enquanto isso Damian Dark tocando o terror na cidade pro Oliver ficar de boa com a garota. Sem noção. Foi nessa hora em que eu fechei o player no meio do episódio e fui botar em dia a série do Demolidor. Sério.

7- CANÁRIO NEGRO MORRE. Depois de terem matado a Sara na temporada passada resolveram matar a Laurel nessa. Acho que a produção não curte o legado da Canário. A morte dela foi mesmo chocante para mim, mesmo já sabendo que ela morreria, fiquei triste. No final, pra escrotizar de vez, Laurel admitiu que Oliver sempre foi o amor da vida dela (assim como nas HQS). Mas ele só quer saber da “Chaticity”, que além, de ser o maior atraso na série, mesmo terminando o noivado com ele, não desgruda.

8- MUDANÇA DA TEMÁTICA. Uma das coisas mais legais na série lá em seus primórdio era essa pegada realista. Sem super seres nem nada disso (nada contra, Flash é minha série preferida) e depois da entrada do Flash nesse universo, Arrow vem forçando isso com muita frequência. O vilão atual é explicitamente MÁGICO, nem meta humano, mas mágico mesmo. Os roteiristas não vem sabendo trabalhar bem essa temática, deixando a série um pouco perdida dentro de si mesma. Talvez fosse melhor seguir vendo Oliver enfrentando traficantes e chefes do crime organizados do que Feiticeiros.

Arrow já foi a série de heróis mais legal da televisão. Hoje porém ela está numa fase de auto destruição terrível e não parece estar freiando isso, deixando muitos dos fãs preocupadíssimos. Acredito que a série que originou todo um universo da DC na televisão (Arrow, The Flash, Legends of Tomorrow e Supergirl) merecia um cuidado mais especial para mostrar o legado da DC/Cw. E você, ainda curte Arrow? Acha que dissemos um monte de bobagens? Comenta aí.

Denny Rodrigues

Quando criança, fui exposto a uma coleção de gibis radioativos me dando o conhecimento de todas as HQS do universo - Muahahaha!

  • tiago

    por isso que pra mim smallville era a melhor serie de ser trabalhada,flash ta se mostrando a mesma coisa